Acusado de latrocínio é preso em Pádua

Homem havia matado um idoso e torturado a esposa no final do ano passado em Além Paraíba, Minas Gerais
(Foto: Divulgação/ Blog do Adenilson Mendes)
   Foi preso na última quarta-feira (26) Flávio de Assis Bonifácil, o "Momô", de idade não revelada. Momô é acusado de ter matado o idoso Adalto Lamim Ferreira em sua residência na zona rural de Além Paraíba, cidade mineira que fica a 100 quilômetros de Santo Antônio de Pádua, onde o acusado foi localizado por policiais civis da 28ª Delegacia de Polícia de Minas Gerais e por policiais militares do 36º Batalhão do município.

    Momô havia invadido a casa de Adalto para assaltar. Ele amarrou o idoso de 84 e sua esposa, de 82. O crime ocorreu em 22 de dezembro do ano passado. Os dois foram encontrados pelo filho que chegava de viajem para passar o Natal com os pais. O filho encontrou o pai morto e a mãe em estado choque.

   Após investigações da Polícia Civil mineira, a Justiça expediu mandado de prisão preventiva contra Momô. Informações davam conta que o acusado estaria vivendo na Rua Valfrido Garcia Terra, no Bairro Glória , em Pádua. 

   Uma operação foi realizada em conjunto com a Polícia Militar da região para prender o acusado nesta quarta-feira (26). Momô foi encaminhado para a Delegacia de Pádua, mas seguiu para Minas Gerais, onde ficará preso na cadeia pública de Além Paraíba e permanecerá à disposição da Justiça.

   Além de Momô, outros dois acusados de terem participado do crime já haviam sido presos em Além Paraíba três dias após o crime. Um quarto acusado ainda segue foragido.

Compartilhe

Notícias Relacionadas

Próxima
« Seguinte
Anterior
Anterior »

Itaocara em Foco