Mega ação em benefício ao menino Kauã é realizada no Clube Nacional

Até as 17h haverá bazar de roupas e calçados, venda de doces, comidas e serviços como corte de cabelo e manicure
Foto: Arquivo Pessoal/ Jeyverson Aguiar‎/ Amigos de Itaocara
   Uma mega ação está sendo realizada no Nacional Esporte Clube, no centro de Itaocara, nesta segunda-feira (03) em prol do tratamento do menino Kauã. No clube há bazar, venda de doces, prestação de serviço e diversão para a criançada. A ação começou pela manhã e segue até as 17h.

    Toda a renda arrecada será destinada ao tratamento de Kauã Santos Dias Moura. No bazar, peças são vendidas a preços populares. Há ainda venda de comidas, com doces e salgados variados, serviços como corte de cabelos, manicures, designer em sobrancelhas, e alegria para a criança com os animadores Pipoca e Dondoca.

   Além da ação no Nacional, a população também pode ajudar depositando diretamente quantia para o tratamento do menino Kauã. As contas são:

Caixa Econômica Federal: Cliente Kauã Santos Dias Moura, Agência 1245, Operação 013, Conta Poupança 13537-0. CPF 189.863.327-44
Bradesco: Cliente Kauã Santos Dias Moura, Agência/ Conta/ Dac 6093/ 28350-2/ 500.
Santander: Cliente Kauã Santos Dias Moura, Agência 0913, Conta Poupança 60003434-5. CPF 189.863.327-44
Banco do Brasil: Cliente Carloiza dos Santos, Agência 1708-6, Conta Corrente 12476-1, CPF 107.337.377-06.

Luta de Kauã

   A luta de Kauã comentou ainda no ventre de sua mãe. As doenças, mielomenigocele e hidrocefalia, foram descobertas no oitavo mês de gestação. A notícia chocou os pais Flávio Moura e Carloiza dos Santos. O pré-natal foi transferido para Itaperuna, a 83 Km de onde o casal mora, em Cambuci. 

   Após o nascimento, Kauã ficou na UTI Neonatal por vinte e seis dias e outros quatro dias no quarto da enfermaria. Foram duas cirurgias, sendo uma na coluna cervical e outra na cabeça para a colocação de uma válvula. 

   Depois da alta, a nova batalha. O tratamento é para toda a vida e consiste em consultas com vários especialistas de várias cidades. Os custos com o tratamento chegam a R$ 5 mil por mês, fora do orçamento do casal.

Compartilhe

Notícias Relacionadas

Próxima
« Seguinte
Anterior
Anterior »

Itaocara em Foco